TRANSCENDÊNCIA.

Minha foto
Meu nome completo é Ivone Henriques Sato, sou casada e feliz por ter encontrado o amor em minha Vida com "V" MAIÚSCULO,como costumo dizer e escrever, aqui deixo meus pareceres sobre a Vida, minha linda e amada Vida que ganhei de presente. Sim, de presente, viver é mesmo um lindo presente, portanto agradeço imensamente, principalmente aos meus familiares queridos, meu casal de filhos, casados, felizes, meus netos amados, dois lindos casais, hoje estão ficando adolescentes, eu, ah, sou uma sexagenária feliz da vida!!!

terça-feira, 8 de agosto de 2017

"Há ocasiões que é mil vezes preferível fazer de menos que fazer de mais, entrega-se o assunto ao governamento da sensibilidade, ela, melhor que a inteligência racional, saberá proceder segundo o que mais convenha à perfeição dos instantes seguintes." José Saramago

Muitas vezes ficamos sem saber quais atitudes tomar diante de situações que, com a nossa mente racional não se consegue resolver, aí então entra, em minha forma de entender a Vida, a boa e infalível intuição!
Como já disse por aqui, não sou religiosa, não vou em igrejas, não rezo, não fico maldizendo, tampouco deixo as coisas tomarem rumos desanimadores!
Mas tenho comigo uma coisa infalível, a palavra, nossa, essa que tem uma força incrível, acho que cria vida a palavra dita, até a pensada. 
Seguindo a boa orientação da frase do texto deixada, deixar a sensibilidade dizer o que a alma tem de fazer!

Ivone

3 comentários:

  1. A sensibilidade da intuição é algo valioso na vida ...

    Beijão

    ResponderExcluir
  2. Olá, querida Ivone!
    Também creio na força imensa da palavra...
    Seja muito feliz e abençoada!
    Bjm de paz e bem

    ResponderExcluir
  3. Gracias por pasar por mi blog
    me ha gustado mucho esta entrada

    Besos

    ResponderExcluir

Meus amigos e visitantes, obrigada pela visita, se quiserem comentar ficarei muito feliz em ler e visitarei também cada um de vocês em forma de carinho e para manter a amizade que pra mim é fundamental! Abraços apertados!

Ivone H Sato