TRANSCENDÊNCIA.

Minha foto
Meu nome completo é Ivone Henriques Sato, sou casada e feliz por ter encontrado o amor em minha Vida com "V" MAIÚSCULO,como costumo dizer e escrever, aqui deixo meus pareceres sobre a Vida, minha linda e amada Vida que ganhei de presente. Sim, de presente, viver é mesmo um lindo presente, portanto agradeço imensamente, principalmente aos meus familiares queridos, meu casal de filhos, casados, felizes, meus netos amados, dois lindos casais, hoje estão ficando adolescentes, eu, ah, sou uma sexagenária feliz da vida!!!

sábado, 24 de novembro de 2012

ENTRE UM LIVRO E OUTRO, MUITAS COISAS MUDARAM, PORTANTO LER É O QUE MAIS NOS FAZ VIVER BEM!

Adoro ler como já disse aqui, mas escrever, ah, nem sempre sei se escrevo corretamente, mas mesmo assim me arrisco, pois é um grande lazer pra mim!
Quando digo ler é por ler mesmo todos os tipos de leituras, pois comecei mesmo com livros de contos de fadas, ainda bem criança, quando aprendi as primeiras letras, depois com as leituras indicadas pelos professores em Literatura Brasileira, amei todos os livros que li e não foram poucos, nem daria para mencionar aqui, portanto...!
Foi através de muitas leituras que aprendi a pensar, pelo menos a pensar por mim e fazer minha vida ficar melhor, sendo assim acredito que até as vidas dos que fazem parte da minha também se sentem bem, pois se somos pessoas conscientes aprendemos a respeitar as diferenças, aprendemos a não julgar pessoas que são ou vivem de forma diferentes, isso se aprende em casa, sim, em casa mesmo com nossos familiares!
Quando escrevo ou leio esqueço todas as agruras da vida, em minha vida quase nem há, mas há em muitas pessoas que gosto e que gostaria de ver sempre bem, mas isso não compete a mim, sendo assim
me refugio em livros e em escrever, nem posso parar, virou um hábito!
Amo músicas também, mas nem sempre as ouço com regularidade, mas adoro ir em festas e quando há músicas para nos instigar a dançar aí sim me sinto melhor ainda, amo a dança, até representar eu o fiz enquanto estudante, pois é, em artes tínhamos de criar e representar em teatros no próprio colégio, muito bom, eu até acreditava que poderia fazer artes dramáticas,rsrsrs!!!
Mas o que gosto também é de viver e muito, quando posso viajo, pelo menos uma vez ao ano, se eu tivesse muito dinheiro seria isso que faria sempre, viajaria!!!
Enquanto isso aqui fico a prosear e em meu blogue de poemas a poetizar, mas procuro usar linguagem simples, iguais as que costumamos falar, sem muitos rebusques, pois viver é isso, simplicidade e alegria!

Ivone


4 comentários:

  1. Respostas
    1. Obrigada amigo, é um grande prazer estar sempre em contato contigo!
      Grande abraço!

      Excluir
  2. Bom dia querida Ivone!
    Tudo bem com você?
    Nossa que text fantástico, como sempre né?
    Ler é tudo de bom, leio também desde bem pequena, aprendi a ler muito pequena mesmo e sabe qual foi minha primeira leitura?
    "Os três pastores de Fátima".
    Mas desde muito pequena, 1 ano meus pais, meu avô e meus irmão liam para mim com fundo musical, nossa casa sempre teve muito livros e muitos discos, graças a Deus.
    Éramos pobres e papai comprava os livros e discos na "Barganha", rsrsr
    Já escrevi sobre isso, tem no blog Divagando, qualquer dia destes posto de novo...rsrsr
    Bom recordar estas coisas.
    Beijinhos querida em seu coração.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que linda você é, pois é amiga, essas coisas de infancia nunca esquecemos né mesmo?
      É mesmo na infancia que aprendemos o básico para uma boa vida futura!
      Li, assim como você, todos os livros de histórias de vida dos Santos, pois é, minha madrinha era religiosa, espírita propriamente, ela tinha uma livraria e eu lia de graça, pois é, ajudava a tomar conta da loja e vender os livros, eu tinha doze anos e já sabia ter responsabilidades!
      Amei demais minha madrinha que me amava também e me ensinou muitas coisas boas que hoje sei!
      Também fui criada pelos meus pais que eram pobres, sendo assim eu lia na livraria de graça, comprava vez ou outra livros, depois passei a pegar emprestados em bibliotecas, isso de não ler não é desculpas para quem reclama de preços e gastos, mas é uma pena que seja mesmo tão caros os livros e em nosso País como todos sabem, é caro viver, custo de vida alto e salarios baixos, totalmente imcompativeis!!!
      Mas está melhorando, aos poucos tudo melhora acredito nisso!
      Posta novamente o seu texto, quero ter o prazer de ler!!!
      Beijos amiga!

      Excluir

Meus amigos e visitantes, obrigada pela visita, se quiserem comentar ficarei muito feliz em ler e visitarei também cada um de vocês em forma de carinho e para manter a amizade que pra mim é fundamental! Abraços apertados!

Ivone H Sato