TRANSCENDÊNCIA.

Minha foto
Meu nome completo é Ivone Henriques Sato, sou casada e feliz por ter encontrado o amor em minha Vida com "V" MAIÚSCULO,como costumo dizer e escrever, aqui deixo meus pareceres sobre a Vida, minha linda e amada Vida que ganhei de presente. Sim, de presente, viver é mesmo um lindo presente, portanto agradeço imensamente, principalmente aos meus familiares queridos, meu casal de filhos, casados, felizes, meus netos amados, dois lindos casais, hoje estão ficando adolescentes, eu, ah, sou uma sexagenária feliz da vida!!!

quarta-feira, 30 de janeiro de 2019

O Paradoxo da Leitura.

"O sábio lê livros, mas lê também a vida. O universo é um grande livro e a vida é uma grande escola. (...) Quanto mais leio mais ignorante fico. A escolha que hoje se depara a qualquer homem educado é entre a inocência que não lê e a ignorância que lê muito. (...) É possível sustentar com alguma aparência de exatidão que a imprensa de hoje mata a leitura e a leitura mata o pensamento. Lin Yutang,  "A Importância de Viver" e "Com Amor e Ironia"!
Ler, sempre li muito em minha vida, era o meu melhor divertimento, livros de todos os tipos, romances, mitologia, dos grandes pensadores, aprendi a pensar, hoje não leio tanto quanto antes, mas foram os bons livros que me deram a base para poder, pelo menos mais ou menos, tudo o que escrevo por aqui.
Ah, viver, a Vida bem assim escrita com "V" maiúsculo como gosto de escrever, de dizer, de fazer acontecer, é isso que espero continuar fazendo no ano que começou e já está caminhando com tantos acontecimentos!
Rapidez de tempo? Não, rapidez de desejos de poder viver intensamente, mas que na pressa não se vive nada, nada mesmo!
Então vamos indo, cada dia ao seu dia, cada momento ao seu momento e desejando saboreá-los bem assim, sossegadamente e feliz!
Ler, interpretar o que se lê, sentir também, mas não deixar nada nos paralisar e nos "emburrecer"!
Ando meio sem inspiração, mas como todos sabem, sempre tenho algo para me fazer e quem sabe também, fazer as pessoas pensarem, temos de ter pelo menos isso, liberdade de pensar e exprimir os pensamentos pensados!

Ivone