TRANSCENDÊNCIA.

Minha foto
Meu nome completo é Ivone Henriques Sato, sou casada e feliz por ter encontrado o amor em minha Vida com "V" MAIÚSCULO,como costumo dizer e escrever, aqui deixo meus pareceres sobre a Vida, minha linda e amada Vida que ganhei de presente. Sim, de presente, viver é mesmo um lindo presente, portanto agradeço imensamente, principalmente aos meus familiares queridos, meu casal de filhos, casados, felizes, meus netos amados, dois lindos casais, hoje estão ficando adolescentes, eu, ah, sou uma sexagenária feliz da vida!!!

sábado, 11 de setembro de 2021

"Quem não tem o espírito da sua idade, da sua idade tem todo o infortúnio." Voltaire

Essa frase é rica em sabedoria, pois a Vida não dá "ponto sem nó", assim dizia meu pai, ele que me ensinou a ser como sou!
Minha mãe era a meiguice "em pessoa", uma artista em modelagens, criava como ninguém e muitas mulheres de sua época a procuravam para terem vestidos lindos com modelos exclusivos, isso bem lá pelos anos cinquenta!
Aprendi a pensar por mim mesma, li muito, meus livros nem eram comprados, pois tive uma madrinha que tinha livraria, deixava eu ler sem ter de pagar, eram emprestados!
Em troca, eu ia depois de chegar da escola, tomar conta da livraria, com isso também aprendi a ser uma boa contadora( fiz contabilidade fui dona de uma micro empresa até 2007) hoje aposentada cuido da vida com esmero, aceito o tempo passando e a velhice chegando, embora nem perceba tanto, pois aparento bem menos dos anos que tenho, septuagenária feliz, que viveu e vive a idade em tempo real, sem ficar na saudade que muitas vezes se a gente bobear, mata!
Sim, muitas saudades matam quaisquer que queiram voltar no tempo!
Viver o hoje, o aqui e o agora, sentir a vida, ser feliz, embora seja difícil para muitos, mas para mim, ah, não é, da minha idade tenho todo o aproveitamento  possível, setenta e dois anos, almejo viver muito mais, pois leveza é tudo o que me faz continuar a ser assim, bem assim como sou e escrevo por aqui!
Quem me conhece sabe, então, você que me lê, seja feliz, faça de tudo para isso, viva o seu tempo no espírito de sua idade, bem como diz o sábio pensador Voltaire!

Ivone.

quarta-feira, 1 de setembro de 2021

"Meu mar"


 





Meio frio, mas não posso ficar  muito tempo longe do "meu mar",  a energia se restabelece quando podemos dar uma saída, sem máscara nas fotos, meu marido e eu, pois quando não há aglomeração, pode!

Já estamos nos acostumando com essa rotina, logo tomaremos a terceira dose da vacina, sim, claro que sim, temos de ter essa conscientização para o nosso bem e de todos!

Feriado se aproximando, muitos poderão estar se juntando, mas com cuidados  necessários, por enquanto, somente por enquanto, logo a liberdade voltará! 

Ivone.

sexta-feira, 27 de agosto de 2021

Atrevimento.

Nossa vida, minha vida, tua vida, nossas vidas, somente se desenvolvem com uma grande dose de atrevimento, não há nada que caia do céu,  tampouco há sorte ou azar, pois somente ao nos lançarmos ao jogo complexo da vida e verificarmos se projetamos fantasias ou pressentimentos.
Apostar na sorte, esperar dias melhores, isso só traz ansiedade, seguir em frente com fé e coragem, seja tudo o que tiver de ser pelo atrevimento  que se possa ter, viver é risco. Arrisquemo- nos, melhor errar, quebrar a cara, isso nos dá uma alegria pelo fato de nos provarmos que temos a força de um bom atrevimento. 
Isso sim é que é amadurecimento, vamos amadurecer, crescer, sermos nós mesmos sempre!
Isso nos mostra os talentos!
Somos todos capazes, com certeza!
Ivone.

 

sexta-feira, 20 de agosto de 2021

Perfeição da humanidade não me incomoda!


Prezar a perfeição humana, ver as virtudes, pois se há virtudes é por haver perfeição, mas como a maioria prefere ver virtudes com desconfianças de que não sejam verdadeiras então essas são amadas mais pelos defeitos.
Amo a honestidade, ser honesto hoje em dia parece ser uma virtude que não é valorizada, que pena, pois muitos acreditam que ser honesto é só dizer ou fazer as coisas que se esperam e que sejam certas para os que percebem isso somente como honestidade, esquecendo que, ser honesto é ser autêntico, a palavra mais adequada em meu entender é ser íntegro.
A integridade é um desafio constante na humanidade, ainda mais nesses tempos em que vivemos!
Gosto de relacionamentos íntegros, as pessoas sendo elas mesmas, com todas as perfeições, pois as perfeições das pessoas não me incomodam.
Somos seres humanos com experiências cósmicas completas, não falta nada, essa é a complexidade!
Perfeição da humanidade não me incomoda!

Ivone






















segunda-feira, 16 de agosto de 2021

Ciência.

 A Vida nos dá e também nos tira de preciso for, eis uma das coisas que me fazem pensar e repensar as minhas atitudes diante dela, a Vida, principalmente da minha Vida!
O olhar das pessoas, o que pensam de mim, isso é importante, mesmo porque, não se pode viver em sociedade ignorando isso, a trama que me sustenta e o legítimo direito em opinar e ser valorizada a opinião e ao mesmo tempo penso que, preciso tentar entender as opiniões das pessoas com as quais me relaciono, criando assim laços de respeito e consideração.
A vida é extensiva, tudo o que acontece no mundo nos instiga a pensar e repensar e eu faço isso a todo momento, abstenho-me de dar opiniões precipitadas, que pra mim não é estar "em cima do muro", é fazer de tudo para que haja paz e lucidez de raciocínio e manter a saúde física e mental, minha saúde física e mental e a dos meus, dos que comigo estão! 
Amigos, ah, como isso é importante em nossas vidas, amigos presenciais, amigos virtuais, saber que estão bem, se cuidando!
Vamos indo ainda em cordas bambas, mas a Ciência anda a mil tentando fazer chegar a um denominador comum, paz e saúde para todos, saúde física e mental!

Ivone








domingo, 8 de agosto de 2021

Pai!

Ah, como estou feliz em poder recordar minha infância e a do meu irmão e ver que, embora nosso pai tivesse sido bem rigoroso, ele nos amou demais!
Tivemos muita disciplina, aprendemos a não termos ansiedade como se vê hoje em dia!
O mundo adulto que nos cercou (entre esses nossos amados pais, avós, tios e tias, professores), nos preparou muito bem, ainda converso com meu irmão e sempre nos lembramos com amor e carinho do nosso pai, Virgílio, nome que venero, hoje ele está no mundo espiritual e é a ele que dirijo meus pensamentos nesse dia especial, Dia dos Pais!
Ele sempre foi de uma honestidade ímpar, sinceridade e mesmo impondo autoridade, nunca usou de violência, nem na fala, pois só com o olhar se fazia respeitar, não havia xingamentos, gritos, ele era além do seu tempo, hoje em dia se diz "assédio moral" nunca sofremos isso e nenhuma violência e como todos sabem, sempre damos o que recebemos da Vida, recebemos, meu irmão e eu,  e damos todo o amor que tivemos e cultivamos por todo o sempre que sei!
Obrigada meu pai Virgílio e que estejas sorrindo tanto quanto eu aqui estou por sentir que, tudo valeu, tudo!

Ivone












quinta-feira, 29 de julho de 2021

O homem vencerá a ignorância?

O homem nasceu para dominar a natureza, vegetal, mineral e animal,  o homem é animal, vai contra si mesmo se ignorar a própria natureza!
Inúmeras invenções magníficas lhe é atribuída, avanços consistentes na ciência e na arte, portanto o domínio não é perverso, o que se pode entender é que, sem vencer a ignorância nada se pode seguir de forma natural como tem de ser!
Surfar uma onda, precisa domínio, extrair energia do vento da água e do sol, sentir a vida é algo que nos pode fazer sentir a força e a necessidade de vencer o que muito nos faz prejudiciais, a ignorância!
Enquanto houver ignorância haverá dominadores perversos sobre dominados e oprimidos, eis o que muitas vezes me sinto sem palavras para definir o que vemos acontecendo por aqui!
Nosso mundo repleto de natureza rica e plena, pois somente ao entender é que se pode seguir sem tantos tropeços!
Acredito que as mudanças virão de forma expressiva, se boas ou não, somente o tempo irá nos mostrar!
Divagando por aqui, eis o que sempre faço quando pergunto e nem sempre acho respostas, como todo mundo, como todo mundo!
Será que o homem vencerá a ignorância?

Ivone.